Connect with us

O que procura?

Atualidade

Estudo revela como o coronavírus causa perda de olfato

Em estudos feitos até agora, a perda de olfato pelo SARS-CoV-2 em doentes com COVID-19, explicava-se por algo relacionado com uma ação do vírus no sistema nervoso. Porém, um estudo feito na Universidade Harvard, nos Estados Unidos da América, revelou o contrário e explica agora como esse sintoma pode ocorrer.

Os resultados explicados neste novo estudo revelam que o sintoma da perda do olfato em doentes infetados pelo SARS-CoV-2 relaciona-se com alterações nas células olfativas, e não com consequências nos neurónios.

Os cientistas iniciaram o estudo com um mapeamento de informações genéticas das cavidades nasais superiores de camundongos, primatas não humanos e pessoas. Para isso, focaram-se na análise de dois genes específicos: ACE2 e TMPRSS2. São estes dois genes que codificam as enzimas recetoras que o coronavírus utiliza para entrar nas células humanas.

A investigação acabou então por revelar que o ACE2 e o TMPRSS2 só são ativos por células olfativas e não por neurónios.

Consulte aqui o estudo completo.

Mais Lidas

Notícias relacionadas

Entrevistas

Monitorização digital à distância através de uma pulseira, esclarecimento e apoio à distância na utilização de ventiladores e partilha de formações rápidas em COVID-19....

Entrevistas

A crise pandémica que o país atravessa surtiu consequências diretas nos cuidados de saúde, uma vez que estes foram obrigados a mudar as suas...

Investigação

Leung N et al. publicaram na Nature Medicine que os aerossóis são um modo potencial de transmissão de coronavírus e que as máscaras cirúrgicas...

Atualidade

O pneumologista e coordenador do gabinete de crise da Ordem dos Médicos, o Prof. Doutor Filipe Froes, mostra-se dececionado com a postura da Organização...